Dois homens sobrevivem a 29 dias perdidos no mar graças a laranjas e um coco!

Livae Nanjikana e Junior Qoloni são dois habitantes das Ilhas Salomão que se perderam no mar do Pacífico depois do barco ter sido apanhado por uma forte tempestade.
 
Apenas algumas horas depois de terem iniciado a viagem, os homens depararam-se com chuvas e ventos fortes, o que lhes dificultou bastante a visibilidade.
Quando o mau tempo chegou, foi mau, mas ficou ainda pior quando a bateria do GPS acabou.

À medida que a noite se aproximava, desligaram o motor de para economizar combustível.
“Não conseguíamos ver para onde íamos e, por isso, decidimos simplesmente parar o motor e esperar, para poupar combustível”, explicou um dos sobreviventes.

Nos primeiros nove dias, alimentaram-se com as laranjas que haviam levado para a viagem.
Recolhendo a água da chuva com uma lona, os dois homens resistiram e, com alguma sorte, apanharam um coco à deriva no mar para se alimentarem.
Foram avistados perto da ilha de Nova Bretanha, na Papua Nova Guiné e quando chegaram à cidade de Pomio em 2 de outubro, os homens estavam tão fracos que tiveram de ser retirados em braços do barco.
No entanto resistiram e conseguiram sobreviver no mar durante 29 dias!

Mochilas de Emergência

0